terça-feira, 28 de abril de 2009

cotidiano

na urgência das horas inúteis
me lembro sempre de esquecer

Nenhum comentário:

Postar um comentário